Link112" target="_blank" id="publicidade20" >
24/07/2019 às 20h36min - Atualizada em 24/07/2019 às 20h36min

Representantes do governo queniano visitam Salvador para troca de experiências

Por :Jhonatanbiths
Secom/Bahia
Jefferson Peixoto Secom Pms
Uma comitiva com parlamentares e representantes do governo do Quênia, leste da África, está em missão em Salvador para conhecer diversos projetos exitosos executados pela Prefeitura, que proporcionaram à capital baiana, nos últimos anos, grandes transformações nas áreas de desenvolvimento urbano, transporte, tecnologia e sustentabilidade. Nesta quarta-feira (24), as autoridades quenianas visitaram a comunidade Guerreira Zeferina, em Periperi, e compreenderam o histórico da localidade e como ela mudou após intervenções de infraestrutura.
 
A delegação estrangeira chegou em Salvador na última segunda-feira (22) e já esteve no Hub Salvador, no Comércio, e no Núcleo de Operações Assistidas (NOA) da Transalvador. Ainda hoje o grupo participa de um encontro com representantes da Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur) para conhecer o programa Salvador 360 e, nos próximos dias, a agenda envolverá visitas ao Centro Municipal Colabore (Parque da Cidade), além de Bonfim e orla.
 
“Foi uma decisão deles (quenianos) de escolher Salvador, entre tantas cidades do Brasil, para presenciar in loco as iniciativas realizadas pela Prefeitura. A capital baiana hoje é referência internacional de boas práticas. Muitos países têm nos procurado para conhecer mais detalhes sobre nossos programas e projetos”, explicou a gerente de Relações Internacionais da Prefeitura, Soraya Pessino. 
 
“Fato é que Salvador está muito além de outras cidades da América Latina. Estamos com uma gestão pública diferenciada, que tem refletido nos números e estatísticas. Por isso fazemos um trabalho junto ao Itamaraty, aos representantes consulares e embaixadas, apresentando nossas experiências”, acrescentou.
 
Diretor no Ministério da Habitação e Desenvolvimento Urbano e um dos representantes da comitiva do Quênia, Cassius Kusienya contou que ficou maravilhado com as iniciativas implementadas em Salvador. Na Guerreira Zeferina, tirou diversas dúvidas sobre cada etapa da construção do conjunto habitacional e se impressionou com as condições de segurança e até com as residências que substituíram os antigos barracos que existiam no lugar.
 
Videomonitoramento - Durante esses dias de visitação, Cassius fez questão de revelar que ficou impressionado com a estrutura do NOA da Transalvador, e que o projeto serve de inspiração para ser replicado em Nairóbi, capital do Quênia. “É um lugar onde é feito o monitoramento do trânsito da cidade através de centenas de câmeras espalhadas. Depois que conhecemos essa central, pretendemos aplicar sistema semelhante no nosso país, cuja capital tem cerca de 3 milhões de habitantes, praticamente a mesma quantidade populacional de Salvador”.
 
Caroline Nduta, outra representante do governo queniano, concorda que o videomonitoramento poderia auxiliar na atuação dos agentes que trabalham nas ruas de Nairóbi. “Nós temos muitos problemas com congestionamentos, e só temos como saber que está acontecendo se alguém for lá. Com estas câmeras podemos ter alguém monitorando numa central e orientando quem está nas ruas, e até mesmo prevenindo problemas no trânsito”, contou.
 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

QUEM SERIA SEU PRESIDENTE EM 2022

50.0%
17.9%
0%
7.1%
7.1%
0%
0%
3.6%
0%
0%
3.6%
10.7%
0%
0%
0%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp