06/02/2020 às 16h55min - Atualizada em 06/02/2020 às 17h03min

BPO: novo conceito de serviços de terceirização do processo de negócio

A inovação tecnológica, reforma trabalhista e a lei da terceirização despertam o interesse do mercado pelos serviços Bpo.

DINO

Segundo os dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 22% dos trabalhadores formais atuavam como terceirizados em 2018. A expectativa é de crescimento por esse tipo de serviço, não apenas pela aprovação da Lei da Terceirização em 2017, mas também, pelo novo conceito que vem sendo praticado, baseado em processos de negócio, proporcionando redução de custos e mais qualidade ao serviço, como sinaliza em entrevista esse mês ao Portal PME NEWS, Anderson Campos, Diretor da ASCS Contadores Associados.

“As vantagens nos serviços de terceirização do processo do negócio, o BPO, estão diretamente ligadas a gestão da informação, um departamento financeiro, controladoria e/ou contabilidade com especialistas pode custar um valor superior ao orçamento que algumas empresas podem suportar na sua operação. O serviço de BPO proporciona, assim, uma redução de custos e mais qualidade à gestão da informação e processos”.

Anderson também destaca a importância da reforma trabalhista para esse modelo de serviços.

“A reforma trabalhista permitiu que os empreendedores utilizassem o outsourcing nas áreas afins do negócio, ou seja, uma indústria pode contratar esse serviço para determinado departamento que esteja na sua cadeia produtiva. Isso acontece também em outras áreas, como, por exemplo, empresas varejistas e de serviço”.

Diferente do que parte do mercado sinaliza, o Ceo da ASCS informa sobre abrangência de atuação dos serviços de BPO quanto porte e perfil de empresas.

“A contratação de uma empresa especializada em BPO pode atender às empresas de todos os tamanhos, nas micros e pequenas empresas, os serviços mais comuns são nas áreas de contabilidade e departamento pessoal, hoje já percebemos que alguns empreendedores estão percebendo a necessidade da ferramenta do orçamento e do fluxo de caixa para sua gestão, assim, as contratações para atividades de controladoria estão aumentando com o passar dos anos. Essa atividade de gestão de controladoria é capaz de agregar as médias e grandes empresas, a profissionalização que na grande maioria das empresas com origens familiares é tão essencial; um executivo com conhecimentos nas áreas de controladoria e contabilidade é capaz de agregar aos empresários uma visão de gestão de recursos e principalmente de grau de alavancagem financeira (endividamento) sadia, que são capazes de tornar a necessidade de capital de giro da companhia, algo que o nível de atividade empresarial possa suportar. Não existe uma área de negócio que não seja possível empregar um nível de gestão do BPO capaz de otimizar a atividade de uma empresa, sejam elas de serviços, indústrias, comércio, etc.”

E finaliza com dicas importantes:

“As empresas que prestam o serviço de BPO precisam praticar a imersão empresarial, conhecer não só a área que será desenvolvida, mas o negócio em geral, utilizar do benchmarking para oferecer melhores soluções ao seu contratante e, por final, ser assertivo nas suas análises”.

 

Website: https://www.pmenews.com.br/entrevista/anderson-campos-1

 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Link112" target="_blank" id="publicidade20" >
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp