Link112" target="_blank" id="publicidade20" >
13/01/2021 às 08h32min - Atualizada em 18/01/2021 às 12h00min

É perigoso tomar as novas vacinas contra covid-19? Entenda

SALA DA NOTÍCIA LUCAS WIDMAR PELISARI
 

Será que é perigoso tomar as novas vacinas contra Covid-19? Devido ao início da vacinação com o objetivo de reduzir os casos de pandemia de Coronavírus, essa é uma dúvida que vem gerando uma certa polêmica. 

 

Estamos vivendo um momento difícil, já que se trata de uma pandemia. Mudamos os nossos hábitos, a realização de teste de coronavírus se tornou frequente e, agora, estamos presenciando o início da vacinação e as dúvidas relacionadas à ela. 

 

A questão é que não existe uma vacina perfeitamente segura, mas o que aprendemos com os resultados dos testes clínicos são reconfortantes.

 

Afinal, as vacinas servem para protegê-lo da doença, e os riscos delas são minúsculos. 

 

Os riscos também são pequenos em comparação com a insegurança econômica, a perda de educação e o isolamento profundo causado pela pandemia e nossas intervenções para tentar impedi-la. 

 

Porém, muitas pessoas estão com medo de tomar as novas vacinas contra Covid-19, especialmente devido a um grande número de informações que estão sendo espalhadas pela internet. 

 

Mas, afinal de contas, por que tanto medo de tomar as vacinas? 

 

Continue a leitura e saiba um pouco mais sobre as vacinas contra Covid-19! 

 

Por que existe a preocupação sobre tomar as novas vacinas contra Covid-19?

 

As vacinas podem ser assustadoras. Você está pedindo para pessoas saudáveis arregaçar as mangas para um "misterioso" - algo associado a germes mortais. 

 

Para as vacinas da Covid-19, esses temores podem ser ampliados pela preocupação de que o desenvolvimento foi apressado e pela forma como tudo associado à pandemia foi politizado. 

 

Além disso, em estudos clínicos, as principais vacinas causaram efeitos colaterais desagradáveis, incluindo dor intensa no local da injeção e sintomas semelhantes aos da gripe. Com isso, as pessoas podem ficar chocadas e assustadas. 

 

A medida que milhões de vacinas são lançadas, algumas pessoas contraem doenças terríveis por coincidência - como câncer, por exemplo - logo após tomarem as vacinas. 

 

A maioria delas não terá nada a ver com as vacinas, mas pode ser difícil convencer o público disso. Muitas pessoas ainda acreditam, contra todas as evidências, que as vacinas infantis causam autismo, por exemplo. 

 

Problemas que podem ser gerados devido ao medo das vacinas

 

Com a Covid-19 - doença provocada pelo novo Coronavírus -, essa hesitação pode custar vidas e atrasar nosso retorno à vida normal e às atividades econômicas. 

 

Vale dizer que nenhuma vacina funciona em 100% das pessoas. Portanto, pelo menos algumas das pessoas que foram vacinadas não ficaram imunes, especialmente os idosos, que geralmente têm taxas de resposta mais baixas. 

 

Aqueles que se recusarem a tomar a vacina poderão ser um reservatório para o vírus, infectando outras pessoas cujas vacinas não lhes dão proteção total. Isso, consequentemente, continuará a provocar mortes. 

 

Com as vacinas existentes, os efeitos colaterais mais graves das vacinas aparecem em duas semanas e quase todos em dois meses. Os testes clínicos concluídos com as vacinas contra Covid-19 já duraram mais do que isso. 

 

Os efeitos de não tomar a vacina podem ser piores

Os efeitos colaterais existem, mas não tomar a vacina pode ser muito pior para a população. Se o SARS-Cov-2 (novo Coronavírus) entrar na sua célula, ele assume e manipula completamente a sua célula. 

 

O ataque viral é profundamente mais perigoso do que as vacinas mais populares. Esses empregam RNA mensageiro, um pedaço de material genético que engana o corpo e faz com que ele produza uma parte inerente do vírus. 

 

Isso é mínimo em comparação com pegar o vírus. E os rumores que o associaram a algumas das consequências de longo prazo da infecção são completamente infundados. 

 

Não é que o vírus irá embora, mas as vacinas o ajudarão a se tornar incomum e moderado. Essa visão ainda parece muito distante, porém as vacinas podem aproximá-la.

 

A maioria das pessoas que obtêm Covid-19 se recupera e fica bem - mas milhares de pessoas já morreram. E a Covid-19 está prejudicando indiretamente pessoas que nunca foram infectadas. 

 

A pobreza é um perigo para a saúde e também a solidão. Mesmo as máscaras não são completamente inofensivas - elas tornam extremamente difícil para muitas pessoas com deficiência auditiva ter qualquer interação humana significativa.

 

Conclusão

As vacinas são muito importantes para evitar doenças, sendo algo essencial para toda a população. 

 

O medo de tomar as novas vacinas contra Covid-19 é real para muitas pessoas, mas é importante ter em mente que estamos falando sobre uma pandemia, que está afetando negativamente as pessoas em todo o mundo. 

 

A vacinação é algo para um bem maior e não somente para proteger individualmente as pessoas. Portanto, é importante ter em mente que existem estudos muito sérios por trás do desenvolvimento das novas vacinas de Covid-19. 

 

O início da vacinação no Brasil parece estar cada vez mais próxima e os efeitos de contrair o vírus, de fato, podem ser muito mais perigosos do que tomar a vacina.

 

Se você ainda tem dúvidas, busque por informações de mais fontes confiáveis e, se possível, fale com um profissional da área de saúde.  


 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

QUEM SERIA SEU PRESIDENTE EM 2022

52.5%
23.7%
0%
5.1%
5.1%
1.7%
0%
1.7%
0%
1.7%
1.7%
5.1%
0%
0%
1.7%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp