08/01/2021 às 17h38min - Atualizada em 26/01/2021 às 11h10min

João Menezes joga quali do Australian Open em Doha a partir deste domingo (10)

Tenista mineiro viajou para o Catar em busca de uma vaga na chave principal do primeiro Grand Slam do ano, que será realizado em Melbourne, na Austrália, em fevereiro

SALA DA NOTÍCIA Gustavo Coelho
http://www.zdl.com.br
André Gemmer / CBT
A pandemia da Covid-19 levou o qualifying do Australian Open deste ano da Austrália para Doha, no Catar. É lá que, a partir deste domingo (10) e até o dia 13 deste mês, o mineiro João Menezes entrará em quadra pela primeira vez na temporada 2021 em busca de uma vaga na chave principal do Grand Slam. O Australian Open será entre os dias 8 e 21 de fevereiro, em Melbourne, na Austrália. Menezes viajou depois de realizar a pré-temporada na academia Tennis Route, no Rio de Janeiro.

“Após um ano atípico, que me ensinou muito, em meio à pandemia, é ir em busca dos resultados nesta nova temporada, começando pelo quali em Doha”, afirma Menezes, 24 anos.

Menezes inicia a temporada colocando como objetivo chegar próximo aos 120 melhores colocados no ranking mundial ao final de 2021. “Ficar beirando o top 100 para, aí, já pensando em 2022, furar essa marca”, explica o tenista de Uberaba, atual número 193 no ranking da Associação dos Tenistas Profissionais (ATP).

Os próximos passos neste início de 2021 dependem do resultado do quali em Doha, seguindo então para o Australian Open, na Austrália, ou para uma série de três torneios Challenger na Turquia, em Istambul e Antalya.

Desde 2018, Menezes disputa torneios do circuito Challenger, tendo conquistado seu primeiro título em 2019, em Samarkand, no Uzbequistão. No ano passado, chegou à semifinal do Challenger de São Paulo (SP) e conquistou a segunda etapa do Circuito BRB, em Brasília (DF), ambos em novembro, e disputou os qualis do Australian Open e de Roland Garros – neste com uma vitória.

Um pouco da carreira – O mineiro João Menezes, nascido em Uberaba, começou no tênis aos seis anos, influenciado pela família, levado pelo pai, que jogava, a dar as primeiras raquetadas. E foi se interessando mais e mais, seguindo na carreira, como juvenil e, depois, desde 2014, como profissional.

Entrou no circuito ITF aos 16 anos, alcançando a 26ª colocação mundial entre os juvenis. Em 2014, em parceria com Rafael Matos, foi vice-campeão da chave juvenil de duplas do US Open. Jogou também as chaves juvenis de Roland Garros e Wimbledon. E ficou com o vice-campeonato do Banana Bowl.

Menezes têm cinco títulos Future e a primeira conquista no circuito Challenger veio em 2019, em Samarkand, no Uzbequistão, no mês de maio. Representou o Brasil por duas vezes em Jogos Pan-Americanos: em Toronto 2015 - oitavas de final - e em Lima 2019, voltando do Peru com a medalha de ouro e com a vaga para os Jogos Olímpicos de Tóquio.

Seu melhor ranking na carreira foi a 172ª posição, alcançada em fevereiro de 2020.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

QUEM SERIA SEU PRESIDENTE EM 2022

50.8%
26.2%
0%
4.9%
4.9%
1.6%
0%
1.6%
0%
1.6%
1.6%
4.9%
0%
0%
1.6%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp