Link112" target="_blank" id="publicidade20" >
28/03/2019 às 13h07min - Atualizada em 28/03/2019 às 13h07min

De hoje (28) até domingo (31) tem muito grafiti no Festival da Cidade

Secom\Ssa
Por : Elisabete Nogueira
mastro-graffiti-the-Bronx-nyc
Entre hoje (28) e domingo (31), o graffiti vai mostrar sua diversidade de cores e ganhar vida nova na Cidade Baixa, em Salvador. Em sua quinta edição, Festival de Graffiti Bahia de Todas as Cores (BTC) irá reunir mais de 100 artistas locais, nacionais e internacionais, com o intuito de levar a democrática arte urbana para a região da Cidade Baixa. A programação integra o Festival da Cidade.
 
Com apoio da Prefeitura, por meio da Fundação Gregório de Mattos (FGM), o BTC integra o calendário de eventos de celebração do aniversário de Salvador. Por conta disso, contará com a produção de murais gigantescos em 5 geomantas espalhadas pela cidade. São elas: Travessa do Panta, Garcia; Rua Baía de Todos os Santos, Cabula; Vale dos Lagos, São Rafael; Rua 13 de maio, Campinas de Pirajá; e Rua Eudaldo Gomes, Uruguai. 
 
O mural produzido na geomanta da Rua Baía de Todos os Santos, no Cabula, já está pronto. Os outros estão em andamento. Em função das chuvas, o processo sofreu atrasos. Mas o objetivo é que até este sábado (30) todas as geomantas, que foram selecionadas pela Defesa Civil, estejam grafitadas. Os murais são produzidos pelos artistas do Coletivo Vai e Faz e por outros colaboradores de renome, convidados para integrar a equipe. 
 
Este ano, o BTC ocupará diversos muros da Avenida Beira Mar, na Ribeira, reforçando assim a ideia do espaço público como um local de encontros, saberes e trocas. Com o tema "Águas de Março", referência à conhecida canção de Tom Jobim que remete às transformações - físicas e subjetivas -, convida à apreciação da orla soteropolitana. 
 
Abertura - O festival provoca a reflexão sobre o papel da arte na transformação social e na interação com os espaços periféricos da cidade. Para sediar o debate que dará início ao evento, hoje, às 16h, o local escolhido foi o Acervo da Laje - Casa 02. Localizado na  Rua Sá Oliveira, 2, no final de linha do Alto do Cabrito, o espaço é uma  galeria de obras produzidas por artistas do Subúrbio e também um espaço de formação, com oficinas e cursos voltados à comunidade, artistas e pesquisadores. 
 
Entre os debatedores estão José Eduardo Ferreira e Vilma Santos, gestores do Acervo da Laje; e Marcelo Teles, ativista e artista integrante do movimento e Centro Cultural Que Ladeira é Essa?, que tem como pauta principal a luta contra a gentrificação da Ladeira da Preguiça. A artivista pernambucana Gabi Bruce também fará parte do debate. 
 
Grafiteira desde 2004, Gabi realiza ações que fomentam empoderamento das mulheres e meninas. Por fim, estará na mesa de abertura o artista Bó Treze, criador do evento Arte e Cultura na Kebrada, considerado um dos maiores da cultura Hip-Hop e periférica na Zona Leste de São Paulo. 
 
Nesta sexta (29), das 9h às 17h, acontece o tradicional mutirão de graffiti na Rua Sá Oliveira, em São João do Cabrito. A proposta busca envolver os artistas participantes e a comunidade local e contribuir com a revitalização artística do espaço. 
 
Neste sábado (30), inicia-se a pintura oficial do BTC, das 9h às 17h, com a produção de painéis em muros da Avenida Beira Mar, Ribeira. Ainda no sábado, vai rolar simultaneamente o BTC Stickers e o Bingo BTC, às 17h, no toldo principal do evento, próximo à Marina da Penha. 
 
Para fechar a noite de sábado, também no toldo principal do evento, próximo à Marina da Penha, o DJ Bó Treze comanda a festa. No domingo (31), finalizam-se as pinturas no Circuito Águas de Março.
 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

QUEM SERIA SEU PRESIDENTE EM 2022

50.0%
30.4%
0%
4.3%
3.3%
2.2%
0%
1.1%
0%
1.1%
1.1%
4.3%
1.1%
0%
1.1%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...
Link112" target="_blank" id="publicidade20" >
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp