Link112" target="_blank" id="publicidade20" >
04/04/2019 às 15h31min - Atualizada em 05/04/2019 às 00h00min

A enxaqueca e o aumento do risco cardiovascular

Os autores avaliaram a incidência de complicações cardiovasculares do tipo infarto agudo do miocárdio, derrame e morte súbita entre as pacientes com enxaqueca e sem enxaqueca.

DINO
http://www.dino.com.br/releases/a-enxaqueca-e-o-aumento-do-risco-cardiovascular-dino890172408131

Recentemente um outro estudo veiculado numa das publicações médicas mais importantes do mundo, "British Medical Journal", avaliou, durante mais de 20 anos, mais de 115 mil mulheres entre 25 e 42 anos das quais pouco mais de 17 mil apresentavam diagnóstico de enxaqueca.

A conclusão é que de fato a enxaqueca aumenta as chances de pacientes terem tais complicações cardiovasculares e esse aumento é da magnitude de 50%. É importante que a paciente com enxaqueca controle outros fatores de risco como hipertensão arterial, colesterol alto, diabetes e tabagismo.

"Alguns pontos merecem ser destacados. Apesar de ser um aumento significativo, a incidência de infarto nessas pacientes é ainda muito baixa; os mecanismos que levam a esse aumento do risco de infarto ainda não são completamente esclarecidos e ainda não se sabe se o tratamento da enxaqueca diminui os riscos a níveis normais", conclui o especialista.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

QUEM SERIA SEU PRESIDENTE EM 2022

50.0%
25.8%
0%
6.1%
4.5%
1.5%
0%
1.5%
0%
1.5%
1.5%
6.1%
0%
0%
1.5%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp