18/03/2020 às 17h34min - Atualizada em 18/03/2020 às 17h51min

Análise mostra o impacto do COVID-19 nas operações de Inside Sales das concessionárias brasileiras

Material desenvolvido pela WHF Design Company traz um overview do cenário no ambiente digital e apresenta reflexões técnicas e orientações para a atuação durante a crise

DINO
https://www.whf.work/
Capa do Material

Ribeirão Preto, 18 de março de 2020 - A incerteza global com relação à sustentabilidade dos negócios, frente à crise humana e financeira gerada pela pandemia do COVID-19, é alarmante. Nesse sentido, o papel das consultorias é fundamental para colaborar com os clientes na formulação das melhores estratégias. Essas estratégias precisam ser responsáveis, éticas e assertivas para fazer a diferença, causando um impacto positivo no mercado e nos consumidores.

Na análise realizada pela equipe de Sales da WHF Design Company, é possível encontrar informações relevantes para as concessionárias brasileiras, que movem a indústria automotiva do nosso país e geram cerca de 328 mil postos de trabalho, segundo informações da Fenabrave.

Dividido em três partes, o material inicialmente traça um panorama com números, tendências, comparativos e evidências sobre o impacto do COVID-19 no comportamento digital das pessoas, incluídas em uma sociedade conectada e viciada em informação - que agora, em decorrência da epidemia, estarão mais on-line, alarmadas e ansiosas. 

“Neste momento, comprar mais espaço na mídia não é garantia alguma de melhores resultados. Mais do que nunca, é sobre abordagem e relevância da mensagem.”

- Caio Monteiro, Head de Sales & Performance WHF

Em seguida, o estudo pontua 4 fatores-chave para prestar atenção neste momento: o grande número de usuários on-line, acarretando em maior tempo de tela; o possível aquecimento nos investimentos, que requer atenção extra no atendimento; a relevância dos pontos de contato digitais neste momento - mais do que nunca a experiência digital será decisiva para sustentabilidade das operações; e a importância de redobrar o cuidado com a classificação dos motivos de perda dos clientes dentro do funil de vendas, visto que nesse período haverá muitos consumidores com alta intenção de compra, porém, o novo cenário provavelmente deixará as negociações mais morosas.

Por fim, o documento apresenta diretrizes práticas que orientam a resposta das concessionárias nesse período, como: a atenção à evolução do funil de vendas, o reforço de disponibilidade, o foco na segurança e pessoalização, além da importância de ações de posicionamento de marca.

“É preciso lembrar que os estudos mostram que o ciclo do vírus tem um fim, normalizando a rotina. Manter um relacionamento sólido com seus possíveis clientes durante a crise poderá criar um vínculo muito positivo. Neste aspecto, as concessionárias que investirem em uma metodologia de atendimento on-line já estarão vários passos à frente.”

- André Magalhães, Coordenador de Marketing da Followize

Clique aqui para ler o estudo na íntegra.

Sobre a WHF Design Company

Uma consultoria hands-on de design para negócios com sete anos de história. Constrói e implementa soluções para aprimorar a eficiência dos negócios e a experiência das pessoas com produtos e serviços. Possui operações em Ribeirão Preto, São Paulo e Uberlândia.



Website: https://www.whf.work/
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

ONDE VOCÊ PREFERE ASSISTIR A FILMES?

63.2%
5.3%
26.3%
5.3%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp